Teste de porosidade do Cabelo: O que é? E como Fazer?

Teste de porosidade do Cabelo: O que é? E como Fazer?

Você provavelmente já ouviu falar na porosidade capilar, e está aqui para saber mais. Ou se está ouvindo falar pela primeira vez – saiba que a porosidade do cabelo é a chave para selecionar o tratamento certo para o seu cabelo. Dependendo da condição geral do seu cabelo, se você tiver feito algum tratamento químico ou coloração, ou mesmo se estiver tomando certos medicamentos – a porosidade do seu cabelo poderá mudar. E isso é normal de acontecer ao longo de sua vida. 

E apesar de muita gente afirmar que esse teste não funciona, ele é ótimo para avaliar a porosidade, e vou explicar o porquê.

O que é porosidade do cabelo?

Para entender o que é a porosidade do cabelo, precisamos observar primeiro a estrutura do cabelo

O eixo do cabelo consiste em três partes:

1. o núcleo mais interno, medula.

2. córtex que o rodeia, composto de queratina, e outras proteínas.

3. tudo isso é envolvido em algumas camadas de cutícula – a camada mais externa do eixo do cabelo.

Porosidade do cabelo, nada mais é que o grau em que a cutícula está aberta.

Teste de porosidade do cabelo

  1. Lave, condicione e deixe secar naturalmente o cabelo. Este último é muito importante, pois qualquer estilo de calor pode interferir nos resultados.
  2. Pegue uma vasilha com água da torneira em temperatura ambiente e coloque o cabelo recém-arrancado nela.
  3. Aguarde 10 minutos e observe como o cabelo se comporta.

Agora, vamos ver seus resultados …

Teste de porosidade do cabelo

O cabelo não afunda:

  • Baixa porosidade

As cutículas do seu cabelo estão “fechadas” e bem empilhadas. Isso dificulta a penetração completa da umidade e de qualquer condicionamento e tratamento de óleo no eixo do cabelo. O produto tende a acumular na superfície do seu cabelo e, na verdade, isso faz com que o produto não traga benefícios. O couro cabeludo também pode ter uma tendência a ficar oleoso, mas o comprimento do cabelo permanece seco – devido ao acúmulo do produto.

Porosidade baixa geralmente acontece em cabelos “virgens” – aqueles que não foram submetidos a nenhum tratamento químico ou coloração. Tintas e descolorações tendem a fazer as cutículas do cabelo se levantarem e permanecerem abertas, liberando a umidade e os nutrientes. Enquanto que os cabelos com baixa porosidade, as cutículas permanecem firmemente fechadas.

O que fazer?

Lave o cabelo com água morna para vaporiza-lo, e fazer com que abra as cutículas do cabelo. Em seguida, aplique mascara de tratamento, deixando-a pelo tempo indicado no rótulo do produto, ou se for uma receita caseira deixe por aproximadamente 30 minutos. Enxágue e aplique o condicionador, em seguida, sele os fios com água fria ou acidificante (vale usar vinagre de maçã) – mantendo o produto dentro da haste capilar e fechando as cutículas.

O cabelo afunda lentamente, fica principalmente no meio:

  • Porosidade média

Suas cutículas permanecem relativamente abertas, tornando-as suscetíveis de reter umidade e absorver nutrientes das rotinas de tratamento (Hidratação, Nutrição e Reconstrução). Os cabelos de porosidade média respondem bem aos tratamentos químicos e coloração – o que o coloca em risco de exagerar! Minimizar o tratamento térmico e os tratamentos químicos geralmente é uma boa ideia.

O que fazer?

Uma lavagem com água fria ao final, e condicionamento podem adicionar brilho ao seu cabelo, ajudando as cutículas a ficarem fechadas por mais tempo. Se você estiver usando produtos com silicone, adicione o peeling capilar, para remoção do acúmulo de produto em sua rotina de cuidados com os cabelos.

O cabelo afunda rapidamente até o fundo:

  • Alta porosidade

As cutículas permanecem abertas, o que significa que, embora absorva a umidade e o produto rapidamente, elas também tendem a sair rapidamente do fio, deixando os cabelos desidratados e desnutridos. Isso também pode ser o motivo de cabelos quebradiços e sem brilho.

A amônia na maioria das colorações e o ácido tioglicólico na maioria dos alisamentos, levantam permanentemente as cutículas capilares. Que por sua vez, dificulta a manutenção da coloração e tratamentos químicos, como também faz com que o fio perca umidade e nutrientes.

O que fazer?

Considere a possibilidade de implantar um regime de vedação – uma lavagem com água fria no final da lavagem para começar e adicionar óleos de vedação (por exemplo, óleo de abacate) e não deixar de condicionar pós a mascara de tratamento.

Observações importantes.

O teste funciona da seguinte maneira: com a entrada de água no fio, ele fica mais denso e afunda.

Mas no final todos os fios vão afundar? Sim.

O que diferencia os fios com alta porosidade e os com baixa porosidade é o tempo que ele vai levar para afundar – fios com alta porosidade permitem a entrada de água mais rápido, portanto o fio afunda mais rápido. Então, é importante respeitar o tempo de 10 minutos.

Outro ponto importante é avaliar o que você usou no seu cabelo antes do teste. Silicones podem formar uma película, que vai impedir que a água entre. E como shampoos, “abrem” a cutícula, caso faça o teste sem condicionar, o fio pode afundar mais rápido. Assim, é importante condicionar os cabelos com condicionadores livres de petrolatos, antes de fazer o teste.

A Jhessy fez o teste, e fez um vídeo incrível mostrando para vocês como fazer. E também vai deixar dicas de cronograma capilar no canal dela.

Confiram:

Agora que você já sabe a porosidade do seu cabelo veja como fazer um cronograma capilar aqui.

Janaina

7 comentários sobre “Teste de porosidade do Cabelo: O que é? E como Fazer?

  1. Nunca tinha lido uma postagem tão completa sobre o teste de porosidade! Parabéns!!
    Agora entendi o porque todos os fios afundam e qual é a diferença que cada um dá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: